RSS

Europa – pluralidade

20 abr

Europa e sua Pluralidade  

Quando falamos de pluralidade nos referimos a multiplicidade, pode abranger diversos aspectos desde cultura até gostos pessoais. Quando pegamos um país como o Brasil percebemos o mosaico de cultura, etnia, religião, particularidades de cada região, cada Estado. Observe o jeito do baiano falar e o contraste do carioca, do mineiro, do nortista, do sulista e do nordestino. Cada um com sua cultura, culinária, tradições.

Na Europa torna-se ainda mais incrível vermos países com dimensões geográficas menores que o Estado do Espírito Santo, como a Suíça e Luxemburgo e os maiores terem dimensões do tamanho de Minas Gerais e São Paulo como França e Alemanha. No entanto, uma pluralidade incomparável, pois em distâncias de algumas dezenas de quilômetros você pode encontrar uma língua e culturas totalmente diferentes, como na divisa entre Itália e Austria ou Croácia. Isto ocorre em todas as regiões como nas fronteiras de França e Bélgica ou Holanda, enfim… todo o continente é formado por 49 países e todos, apesar de muito próximos são diversos em sua pluralidade.

Viajar pela Europa é experimentar um pouco de sua diversidade e ouvir as mais diversas línguas como Russo, Inglês, Francês, Alemão, Espanhol, Holandês, Português etc.

VEJA ABAIXO ASPECTOS GERAIS DA EUROPA:

A Europa é formada por 49 países:
(Listas dos países e suas capitais)
 
Albânia – Tirana
Alemanha – Berlim
Andorra – Andorra la Vella
Armênia – Ierevan
Áustria – Viena
Azerbaijão – Baku
Belarus – Minsk
Bélgica – Bruxelas
Bósnia e Herzegovina – Sarajevo
Bulgária – Sófia
Chipre – Nicósia
Croácia – Zagreb
Dinamarca – Copenhague
Eslováquia – Bratislava
Eslovênia – Liubliana
Espanha – Madri
Estônia – Tallinn
Finlândia – Helsinque
França – Paris
Geórgia – Tbilisi
Grécia – Atenas
Holanda – Amsterdã
Hungria – Budapeste
Irlanda – Dublin
Islândia – Reykjavik
Itália – Roma
Letônia – Riga
Liechtenstein – Vaduz
Lituânia – Vilnius
Luxemburgo – Luxemburgo
Macedônia – Skopje
Malta – Valeta
Moldávia – Chisinau
Mônaco – Cidade de Mônaco
Montenegro – Pogdorica
Noruega – Oslo
Polônia – Varsóvia
Portugal – Lisboa
Reino Unido – Londres
República Tcheca – Praga
Romênia – Bucareste
Rússia – Moscou
San Marino – San Marino
Sérvia – Belgrado
Suécia – Estocolmo
Suíça – Berna
Turquia – Ankara
Ucrânia – Kiev
Vaticano – Cidade do Vaticano
 
 
 
I-REGIONALIZAÇÃO DO CONTINENTE EUROPEU
 
O continente europeu não possui características homogêneas, pois as disparidades se apresentam em diversos aspectos como paisagens naturais, clima, política e cultura. O continente possui várias maneiras de ser regionalizado, uma delas é classificando em Europa Ocidental e Oriental.
            Existem várias classificações regionais para a Europa , dependendo do tema propostos, podendo ser através das análises espacial, econômica e cultural.
O continente é geralmente  dividido em Europa Ocidental e Europa Oriental, mas existe uma outra classificação que apresenta a Europa dividida em quatro áreas distintas no qual se enquadram a Europa Ocidental, Setentrional, Centro-Oriental e Meridional. 
 
 
 
II- EUROPA OCIDENTAL X EUROPA ORIENTAL
 
A regionalização antes e, principalmente, depois da Segunda Guerra Mundial gerou uma fronteira abstrata, isso significa o surgimento de uma barreira ideológica entre dois grupos de países que compõem o mesmo continente, de um lado os aliados dos Estados Unidos (capitalista) e do outro lado os que apoiavam a União Soviética (socialista), consolidando de vez a Europa Ocidental e Oriental(Leste Europeu).
Europa Ocidental distingue-se da Europa  Oriental pela geografia e por diferenças na história e na cultura. Estas fronteiras, no entanto, estão sujeitas a consideráveis flutuações e sobreposições, o que dificulta a diferenciação. O conceito de Europa Ocidental também está associado à democracia liberal.
Antes da Guerra Fria, o termo “Europa Ocidental” era usado para designar a França, aIrlanda, o Reino Unido, a Holanda, a Bélgica e o Luxemburgo.
 
Durante a Guerra Fria, quando a Europa Ocidental designava os países membros da OTAN(Organização das Nações Unidas) e sob influência americana, o termo era freqüentemente usado como contraponto a Europa do Leste, que estava sob influência soviética. As fronteiras entre os países do Ocidente e do Leste estavam muito bem defendidas, especialmente do lado oriental. A estas fronteiras dava-se também o nome de Cortina de Ferro (países socialistas do Leste Europeu que estavam aliados a URSS).
Com o declínio da URSS, e também do socialismo, surgiram diversas repúblicas autônomas que compunham o território soviético, no entanto, a independência não garantiu uma inserção eficaz na economia de mercado provenientes da herança do sistema produtivo da economia planificada que vigorava na URSS, que não conseguiu acompanhar as outras economias.
 
 
 
III- ASPECTOS GERAIS DA EUROPA
 
– A área do continente europeu é de 10.498.000 km².
 
– A população da Europa é de 744,7 milhões de habitantes (estimativa 2006).
 
– A moeda mais importante da Europa é o Euro (moeda oficial da União Européia), que circula em 17 países.
 
– O nome do continente tem sua origem na mitologia grega, pois Europa era uma mulher muito linda que despertou o interesse de Zeus  (deus dos deuses).
 
– No  geral, a economia dos países é bem desenvolvida, sendo que as mais fortes são: Alemanha, Grã-Bretanha, França,Itália e Espanha..
 
– Existe no continente um forte bloco econômico chamado União Européia (UE), que envolve 27 países. Existem também leis comuns que facilitam a circulação de cidadãos integrantes da UE.
 
-Em geral, a qualidade de vida dos europeus é muito boa. Os índices sociais estão entre os melhores do mundo. Nos países mais desenvolvidos da Europa, o analfabetismo é baixo, a expectativa de vida é alta e a criminalidade é pequena.
 
–  Há, neste continente, cinco grandes penínsulas: Itálica, Ibérica, Jutlândia, Balcânica e Escandinava.
 
– As ilhas européias mais importantes são: Córsega, Islândia, Ilhas Britânicas, Creta, Sicília e Sardenha.
 
-O relevo da Europa é bem diversificado. Por ser um terreno de formação antiga, predominam as planícies. Encontramos também planaltos de baixas altitudes e cadeias montanhosas desgastadas (Cárpatos, Pirineus, Apeninos e Bálcãs).
 
– O litoral europeu é muito recortado, facilitando a instalação de portos e a navegação.
 
– Existem sete tipos de climas na Europa: temperado oceânico, temperado continental,mediterrâneo, subpolar, semi-árido, frio continental e frio de altitude.
 
-Há vários rios na Europa, sendo que os mais importantes são: Danúbio, Reno, Volga, Douro, Tibre, Tejo, Sena, , Elba, Tamisa e Pó e Ebro.
 
-Embora grande parte da vegetação européia tenha sido devastada com o passar dos anos, ainda encontramos muitas formações vegetais neste continente. As principais são: Taiga ou Floresta de Coníferas (região norte), Tundra (extremo norte), Floresta Temperada (centro), Vegetação Mediterrânea (sul) e Estepes (leste).
 
– A Europa possui uma fauna bem diversificada. Os animais mais comuns no continente são: rena, urso pardo, raposa, lontra, lebre, javali, lebre, lince, perdizes e faisões.
 
– Línguas mais faladas no continente: russo, francês, alemão, inglês, italiano e polaco.
Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em abril 20, 2012 em Uncategorized

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: